Enfia no toba

Postado por Unknown | | Posted On quarta-feira, 30 de setembro de 2009 at 15:11

Saquinhos de ketchup em lanchonetes

  Porra, é muita sacanagem isso, não dá pra usar. Imagine, você vai lá na lanchonete do tio zequinha comer um delicioso x-salada com barata crua ao molho de espirro, tá todo felizão conversando com seus amiguinhos, a larica atacando e você espera mais ou menos uma hora pra ele trazer seu zequinha lanche feliz, então ele chega, mas junto com o pacotinho ao lado das batatas palhas derrubadas do cachorro quente que ele serviu nesse mesmo plástico a 10 minutos atrás vem 3 pacotinhos de ketchup, dois de mostarda e um de maionese. Enfia esses pacotinhos no toba seu filho da puta. Não dá pra comer com isso, você passa 5 minutos tentando abrir aquelas porrinhas, mais dois minutos limpando a sujeira da sua calça, porque vai por mim, você vai derramar aquilo na calça, e quando vai por um pacotinho desses não dá nem pra preencher a borda do x-salada. Então você dá 3 mordidas e enquanto mastiga quer por mais ketchup na continuação de seu lanche, mas não da. Sua boca ainda ta cheia, e suas mãos estão ocupadas segurando o x-diarréia, nessas horas você tem apenas duas opções, largar o lanche e passar mais 5 minutos tentando abrir com a mão, ou terminar de mastigar e abrir com a boca. Ou ainda desistir disso e comer puro mesmo o lanche, mas é foda. O que esses donos de lanchonete tem contra o bom e velho vidrinho de ketchup?? Vai dar muito prejuízo pra vocês se colocarem uma porra de vidrinho em cada mesa?? Vai ficar mais pobre com isso? Ahh se fuder seus filhos de um jumento auto-reprodutor. A mesma coisa acontece com guardanapos, tem lugares que não tem guardanapos pra pegarmos, então temos que limpar nossa boca com os 3 pedacinhos que vem junto com o lanche que são tão pequenos que se eu me masturbasse aquilo não serviria nem pra limpar meu gozo direito. Ainda por cima eles fazem lanches cheio de molho, com a alface molhada, hamburger quase saindo andando e pingando. Nesses casos o que nos sobra é limpar com a manga da camisa, ou na toalha da mesa desses. Entã donos de lanchonetes, enfiem o saquinho de ketchup no toba e vão em um proctologista pra ele curar sua hemorragia anal com a lingua.

garrafa-ketchup-mostarda_~964329É tão difícil ter um desses nessa espelunca maldita??

 

  Amassar latinhas as 8h da manhã

  To lá sussegado dormindo, sonhando com uma gatinha linda me abraçando quando meu pai começa, na janela do meu quarto, a amassar latinhas de cerveja pra vender. Acordo de pau duro e fica aquele barulho filho da puta na janela. Ok, é um dinheiro a mais, mas você precisava fazer isso as 8h da manhã?? 8 horas da manhã eu não levanto nem se uma diarréia me atacar, porra, e vocês sabem o quanto de cervejas bebemos aqui em casa, amassar tudo isso leva horas. Ele continuou e ficou, amassando uma por uma todas as 15 sacolas gigantes de latinha de cerveja que guardamos em casa. Não tem como voltar a dormir com isso, cada pisada dele parece que foi uma pisada direta no meu cérebro. Porra pai, enfia todas essas latinhas no toba, caga e abre uma distribuidora de doces. Muita sacanagem isso. Ai eu levanto com aquela cara de quem foi dormir 5h da manhã e acordou as 8 e ele ainda tem a cara de pau de perguntar se me acordou. Não pai, eu passei a noite em claro, quase pelado em baixo das cobertas apostando com os pernilongos quando ia começar a minha tortura matinal que você me proporcionou. Tanta gente pobre no mundo com filhos normais que não ligariam do pai o acordar cedo pra ganhar o pão do café da manhã mas não, tem que ser meu pai pra fazer isso. Eu nem tomo café da manhã ainda. Vende essas porras de latinha e com o dinheiro compra uma faca e me mate de uma vez, só assim pra eu conseguir dormir nessa casa.

 

Professora de inglês em colégio público

  “Vamos lá turma, repitam comigo: What your name. De novo, até ficarem craques, what your name”. Nos estamos no 2º ano do ensino médio sua vadia, isso esse pessoal deveria ter aprendido na 5ª série porra, agora tenho que ficar 40 minutos sentado vendo uma idiota ensinando pro 2º ano uma coisa que qualquer animal sabe o que significa hoje em dia, você acha que tá aonde? Você dando aula sem a luz do sol, com pessoas fumando maconha na porta e o diretor com uma 12 na mão e você ainda acha que tá dando aula pra pré escola? Enfia esse what your name no toba. Faça algo útil por essas pessoas e ensine como assaltar alguém em inglês, vai ser mil vezes mais útil pra eles isso. E pare de repetir a mesma coisa milhares de vezes, eu posso parecer um autista mas eu entendo o que você diz da primeira vez. E não, não pedirei pra ir no banheiro em inglês, pedirei pra você calar a boca e mostrar os peitos em inglês se quiser.

 

Continua… ou não

Outra historinha sem graça

Postado por Unknown | | Posted On terça-feira, 29 de setembro de 2009 at 00:57

E sem inspiração pra um título decente.

  Sábado fui em um curso tentar aprender algo e ainda por cima descolar uma gatinha pra minha vida solitária. Puta lugar pra ter mulher bonita, me senti um virgem no puteiro lá dentro, sem saber o que fazer mas querendo fazer de tudo. O professor falou pra nós nos apresentarmos, dizer o nome, do que mais gosta e do que menos gosta de fazer. Uma menina linda na minha frente disse que gostava de cinema, quase disse pra ela que se quisesse ver um filme comigo não iríamos nem precisar de pipoca, pois quando eu a estourasse ela iria se transformar em algo melhor (???????)

d286e1d25e12e6508e62a434907ebd7f

  Mas claro que eu não disse isso, pois além de ser uma cantada retardada e sem futuro, não tenho coragem de dizer em voz alta.  É foda isso,  vejo todos meus amigos se dando bem, ao lado de uma mulher bonita e eu sempre sozinho, sou tão fracassado que é capaz dos meus filhos arrumarem uma namorada e eu ainda não ter comido ninguém.

d286e1d25e12e6508e62a434907ebd7f

   Nesse dia ainda fiquei bebendo com meu primo e o Ramon na minha casa. Consegui tirar a foto abaixo em algum momento do dia, sei la, achei engraçadinha, já que pra se obter o néctar da vida não precisamos necessariamente comer bem.

DSC00608

  Tenho vagas lembranças do que realmente aconteceu nesse fim de semana, tem coisas que não sei ao certo se aconteceu mesmo ou eu sonhei, como eu ter roubado um carro, matado 15 pessoas, ter me queimado em um incêndio provocado pelo doutor Malzão em uma fábrica de camisinhas e ter dançado funk até o chão numa favela mineira, onde todo queijo é um queijo suíço e ter sido estuprado por uma prostituta de plástico usando ceroulas de florzinhas. Mas acho que isso foi só um sonho, ninguém mais usa essas ceroulas.

  Socorro, to na aula e minha professora botou um video do mc créu pra tocar. Pelo menos ela tá falando mal dele. Ouvir créu na escola é a mesma coisa que ver o kama sutra na igreja, pode excitar alguns, mas simplesmente não faz sentido. Hoje dei um cigarro pra uma menina e ela disse: “Obrigado cara, Deus te abençoe” ?????? Ok, Deus vai abençoar nos dois pessoalmente desse jeito. Odeio dar cigarros pras pessoas, não gosto de ter que ajudar eles morrerem, se querem morrer pelo menos paguem por isso,mas não pra mim, porque não tenho cara de igreja evangélica pra ficar vendendo lugares no céu.

  Sábado ainda meu primo me desafiou a beber duas doses de rum mentolado, eu aceitei e posso dizer… aquilo derruba. E derruba legal. Fiquei muito doidão, a ressaca quase acabou comigo. Domingo ainda pude beber mais pra sarar, mas segunda acordei 5h da tarde, com o teto ainda girando e o chão todo vomitado. Meu primo é foda, uma vez ele me disse que se eu ficasse bêbado na casa dele ele iria me estuprar violentamente. Agora to pensando até em abrir um bar por lá.

d286e1d25e12e6508e62a434907ebd7f

  Essa piada é dele, junto com a de eu ser tão burro que tenho que ler o manual de como mijar umas 30 vezes por dia.

  Manual de como mijar.

- tire seu belo e inútil pintinho da cueca rasgada cheia de resíduos sexuais manual
- Mire direitinho na água da privada, após levantar a tampa, se a água não estiver a mostra é porque você esqueceu dessa parte.
- Faça força para sair, se precisar ligue a torneira para te dar inspiração.
- Pense em coisas bonitinhas, mas não em mim senão sairá o liquido errado
- Terminado, chaqualhe para cima e para baixo várias vezes, pingos na calça são inevitáveis, assim como pingos no queixo e na mão.
- Guarde novamente seu pipi, ou se preferir enfie ele no cu.

  Pronto, você é um ótimo mijador e pode tentar isso em público, na sopa da sua vó ou até em uma viatura policial, boa sorte…

Cantadas originais para pegar homens

Postado por Unknown | Marcadores: | Posted On quarta-feira, 23 de setembro de 2009 at 13:00

  Eu sei que mulheres não precisam disso, elas só precisam não ter um pinto e pesar menos de 200 quilos pra pegar quem quiserem mas darei as dicas mesmo assim.

blog 002

- Você tem braços tão fortes que suas bolas devem ir parar no cu quando se masturba

- Você é tão gostoso que seu esperma deveria ser vendido em caixinha com o título de “Nova Vida”

- Você é tão lindo que se fosse cafetão os homens pagariam pra te comer

- Se você fosse um cigarro nem câncer faria eu parar de te chupar

- Você é tão lindo que se fosse Noé hoje eu poderia ser uma espécie de minotaura

- Você é tão perfeito que se eu fosse você já tinha feito minha própria circuncisão com os dentes mesmo sem ser judeu.

- Você parece ser jovem, quantos anos eu ainda tenho pra poder virar uma proctologista e te conhecer mais profundamente?

- Não sou mulher fruta mas dou até no quintal de sua casa

 

  Por enquanto só consegui pensar nessas. Lembrem-se pessoal, todas as cantadas/posts em geral que escrevo aqui são de minha autoria, nunca copiei de ninguém e pretendo nunca fazer isso, muita gente pergunta se fui eu mesmo que criei essas babaquisses, acho que ninguém acredita que tenho uma mente doentia e muito tempo livre pra pensar nessas coisas, se acharem algo parecido em algum lugar da internet fiquem a vontade pra me avisar, pra eu saber que existe alguém tão doente quanto eu no mundo. Ahh, e eu não sou gay.

Sinopse de filmes

Postado por Unknown | | Posted On terça-feira, 22 de setembro de 2009 at 14:17

Antichrist

antichrist

  Poucas palavras podem descrever perfeitamente esse novo filme do diretos lars sei la do que, mas as que mais se enquadram pra mim, seria uma grande merda. Porra, vendo sinopses em sites, opiniões de quem já tinha visto parecia que seria o melhor filme da atualidade, mas simplesmente não passa de uma merda escrita por um louco deprimido que deveria ter se matado ao invés de fazer isso. Lembrando que tudo nesse blog é minha opinião pessoal e to pouco me fudendo se vocês gostam ou não, pra mim foram 100 minutos de tortura e muita punheta.

  O filme começa com um prólogo em preto e branco onde o carinha ta comendo a mulher com direito a close em câmera lenta do pinto entrando na bucetinha linda dela e o filhinho bunitinho deles acordando e saindo do cercadinho. Tem mais ou menos 10 minutos disso, sexo, o piazinho andando, vendo os pais se comendo, indo até a janela, abrindo e caindo. Deve ser traumatizante ver os pais transando, eu não sei porque nunca vi, prefiro acreditar que meus pais não fazem sexo e se divertem enchendo o meu saco ao invés de esvaziar o dele. Mas então o piá cai no chão e morre.

  Esse filme é dividido em capítulos, com prólogo, sofrimento, os 3 mendigos (??) e outros que não lembro agora. No 1º capítulo após o prólogo eles estão no cemitério enterrando o filho, a mulher desmaia e começa a sessão de tortura para nós quando a mulher fica doidinha e o cara ta tranquilo. Vários diálogos inúteis da mulher acusando o marido de não ligar pro filho, se achar super inteligente, de não gostar dela e depois disso tudo ela quer transar com ele, não entendo essa mulher, ela sempre quer transar. Tão brigando, ela ta nervosa, tira a roupa do marido a cavalga no bicho. Tem mais sexo nesse filme que produções brasileiras dos anos 80.

  Ai continua os diálogos estranhos e chatos, o cara tentando ajudar a mulher a se recuperar, eles resolvem ir pra uma cabana na floresta chamado de Éden que ela diz sentir medo, mais cenas de enrolação até eles chegarem la. Continua as enrolações que nessa hora eu tava muito preocupado em pensar quando eu veria uma vagina novamente no filme e não pude prestar muita atenção então pularei para o final. Tem uma raposa falante estranha, começa a cair chuva, blá blá blá.

  Então o cara percebe uma coisa extremamente útil, os legistas descobriram um machucado no pé no piazinho que era anterior a queda, então ele vê nas fotos que a mulher sempre colocava o tênis trocado no menino. Ele vai para um lugar e começa a ver as fotografias e estão todas com os pés trocados. Aii a muié fica louca, extremamente louca, vai atrás do cara, bate nele, dizendo que ele vai largar ela e que ela não aceitaria isso, e bate no infeliz, ele cai e ela da uma paulada no pau no maluco.

  Ele desmaia com a dor, então ela tira a calça dele e começa a masturbar ele Oo. Não sei porque, mas ela masturba o cara e ele goza um monte de sangue, isso doeu em mim. Não contente em acabar com o objeto que torna os homens úteis a humanidade, ela prega um peso na perna dele e sai pelada por ai. Ele acorda e começa a se rastejar, fugindo da louca. Ela vai atrás dele, gritando e xingando, ele se esconde numa gruta, ela o acha, bate nele, o desmaia, leva ele de volta pra cabana e tem mais diálogos retardados. Ela deita ao lado dele com uma tesoura, o abraça e corta seu próprio clitóris (eu acho que é o clitóris, não conheço muito bem essa parte do corpo feminino e tava ocupado me masturbando) e mais blá blá blá…

Não vou contar como acaba o filme, porque quero que vocês sofram assistindo ele também, mas é uma merda igual ao resto.

  O pior é que gastei 1 dvd virgem gravando isso (pirataria, quem curte?), mas fico feliz por não ter gasto 8 reais no cinema pra ver isso, já basta eu ter gasto essa quantia vendo Dragon Ball, então aqui vai a dica, não percam duas horas de sua vida com isso, a não ser que você queira ver buceta sem precisar acessar o redtube.

7 Cantadas originais pra pegar menininhas

Postado por Unknown | Marcadores: | Posted On at 11:24

orkut-hi5-coracao_(87)

- Você é tão perfeita que eu apelidei meu pau de pincel pra ele continuar a obra de arte que seu pai iniciou

- Você é tão linda que sou a favor de você virar uma obesa só pra eu ter uma porção a mais de você

- Você é tão maravilhosa que se eu fosse uma bactéria nem vagisil me tiraria de dentro de você

- Você é tão linda que eu chuparia o pau do seu pai só pra sentir o gosto da fórmula da perfeição

- Você é tão gostosa que seu orgasmo deve ser a fórmula secreta do guaraná antarctica

- Se você quiser conhecer o paraíso tira a roupa e abre as pernas que eu tiro uma foto pra você

- Não sou febre mas te deixo pegando fogo e só vai melhorar quando ficar molhadinha.

 

  E agora eu me pergunto: Com tanto romantismo e amor dentro de mim… como ainda posso ser um virgem?? As mulheres de hoje em dia são estranhas, não dão valor para um romântico a moda antiga como eu.

 

  Pessoal, voltei com a opção de comentários nesse blog, ficam ali em baixo dessa porra de up? que sei la pra que serve, comentem se quiserem…

Fim de semana perfeito part.2

Postado por Unknown | | Posted On sexta-feira, 18 de setembro de 2009 at 17:19

O domingo

natal (sei la o porque dessa imagem, acho que domingo me lembra o natal. Pessoas felizes, chuva, brinquedinhos, amigo oculto)

1031004_4(aqui falamos amigo secreto, mas disse oculto só pra fazer essa piadinha infame. Dorgas manu)

 

  Domingão, dia de passar com a família, comendo linguiça queimada na chapa do primo com pão de ontem e maionese com azeitona (odeio azeitona na maionese, para de por isso mãe), dia de beber bastante pra curar a bebedeira do sábado e no meu caso, domingo foi dia de ir na casa do meu primo. Aquele mesmo eletricista que fui trabalhar. Dia meio chuvoso mas beleza, chegamos lá e já fomos no mercado comprar cerveja e um cigarro, free citrus, acho que é isso, meu primo não parou de falar de como esse cigarro era bom e fiquei louco de vontade de experimentar. No mercado não tinha, mas tinha cerveja então tava valendo.

  Minha prima me sacaneou aquele dia. Tem uma menina lá que é filha do primo do meu primo de 2º grau que fiquei um dia e quando vi que ela tava lá fiquei felizão, pensei: “opa, hoje sim será meu dia de sorte, não beijo na boca a uns 3 meses e essa é minha chance de tirar o gosto de bigode da última menina que beijei da minha boca”, mas depois fiquei sabendo que minha prima falou pra ela: “Pode vir aqui almoçar, mas não quero você cantando o Luan”.  O bom da minha família é que eles pensam que eu sou o santinho, que eu sou a vítima, que foi ela que tentou me comer quase a força na última vez e não vice-versa. Mas beleza né prima maldita, deixa quieto… mas também nem queria mais ela, ela ficou gordinha

Vantagens e desvantagens de pegar uma gordinha

vantagem: Tem onde pegar, onde morder e onde apertar, mas cuidado porque se ela for muito gorda ela vai te pegar de jeito, ela vai te morder até arrancar pedaço e ela vai te apertar entre seu umbigo até você morrer sufocado.
vantagem 2: Seus amigos não darão em cima dela, a não ser que ele esteja tão desesperado quanto você, mas nesse caso da pra dividir, em 10 até se for preciso.

Desvantagem: Pra você conseguir por a mão na bunda dela vai ter que dar 3 mortais, 4 peixes twisters carpados ao extremo, duas voltas de 15 quilômetros correndo e desviando dos obstáculos que podem ser fatal e 5 giroscópios corporais morféticos absolutos. Mas no final valerá a pena, você vai se sentir como se tivesse descoberto uma nova civilização repleta de merdas.

  Mas então eu tava lá, ela tava usando uma sainha curtinha que fez meu pipi lacrimejar e latejar por horas, com as pernonas a mostra e eu não podia fazer nada, então o resto da parentada chegou pra jogar baralho. Meu, jogar baralho com aquele pessoal é a mesma coisa que se esfregar em pau mole, só perdemos tempo e o objetivo parece que fica cada vez mais difícil de se alcançar.

  Nossa família inteira perdeu pra eles, como sempre, então meu primo teve uma idéia. Vocês sabem que meu pai é policial né? E segurança, então ele é igual a mim, ta sempre armado e pronto pra atirar em qualquer coisa que se mexa, e lá perto tinha uma fazenda onde poderíamos treinar tiro ao alvo*-*.
  Fiquei tão feliz, primeira vez que eu ia poder atirar com uma arma de verdade. Tinha poucas balas mas dava pra sentir o prazer de fazer isso. Chegamos lá e o dono da fazenda quando viu que estávamos bebendo foi rápido e mudou o alvo de lugar, pra não matarmos nenhuma galinha e a nós mesmos. Meu primo foi o primeiro, quase acertou o próprio pé, ai foi meu outro primo que se tivesse uma pomba voando no céu naquele momento ela teria sido assassinada, então foi meu pai que acertou e eu cheguei perto, perto de matar um avestruz. Descobrimos que se tivesse um bandido na nossa frente e apenas uma bala em nosso revólver para matar o infeliz antes de ser morto a opção mais viável era nos atirarmos em nossas cabeças, as chances de acertar seriam maiores.

  Daqui pra frente só lembro que voltamos e bebemos muito, mas muito mesmo. Antes de ir pra casa ainda passamos em uma lanchonete, amo meus pais por isso, porque eles pararam apenas pra eu matar minha vontade de comer um puto x-picanha de 12 reais enquanto eles olhavam pra mim admirando minha fome e o tamanho do bicho. Depois ainda passamos numa pizzaria pra comprar… pizza, dããã. Enquanto eles esperavam eu e meu primo fomos no posto de gasolina ali perto, eu queria mais cerveja. Comprei 3 skol beats por 3 reais cada uma (eu tava bêbado, não conseguia sentir a facada) e finalmente compramos aquele free que eu tanto queria \o/ \o/

  Tá, meu primo comprou porque eu não tinha mais dinheiro, mas dividiu comigo, e aquilo era bom demais. Me lembro ainda de ter sobrado 5 centavos de troco pra mim e eu falar pro cara do posto: pode ficar com o troco. Sério, que tipo de atendente de posto de gasolina que cobra 3 reais por uma cerveja vai querer com 5 centavos?? Deve ter me achado o cara mais pobre do mundo. Mas da nada, fomos felizes para casa, muito felizes. Eu ainda tomei minhas 3 cervejas lá fora ouvindo música antes de desmaiar em algum lugar. Acho que eu nunca tinha tido um dia tão feliz quanto esse, mas segunda as consequências foram terríveis:

DSC00595

Fiquei assim até pelo menos umas 5h da tarde…não conseguia nem ficar de pé e vomitei umas 15 vezes em cima de mim. Por isso eu sempre digo (nunca disse, mas foda-se), crianças, não bebam. A não ser que sejam obrigados a isso.

Uma história divertida de uma banda fictícia

Postado por Unknown | | Posted On quarta-feira, 16 de setembro de 2009 at 23:10

Folder(Não é essa banda, mas eles são tão lindos*-*)

  Paulo Grosso era um jovem garoto maloqueiro sofredor cheirador de giz de uma cidade no interior do mundo, ele vivia a procura de diversão e sexo grátis com ruivas oxigenadas na merda com silicones a mostra e muitas drogas ilícitas explícitas revolucionárias de ver dragões e elfos nas árvores pequenas do campo enterrado do sul. Ele queria crescer e virar alguém forte, robusto e cheirosinho, mas como todos sabem nem todos no mundo tem sorte ou dinheiro, então ele caminhou para uma vila recheada de chocolate em uma floresta encantada a procura do lobo mau que segundo a lenda o ensinaria a tocar guitarra bem se ele colocasse a mão em um formigueiro flamejante que existia ali perto. Ele caminhou e caminhou pela terra fria cheia de zumbis quase mortos dormindo após comer o cérebro de um punheteiro que de tanto pensar em putaria deu uma indigestão nos zumbis que os fez ficar com sono e vontade de cagar, mas ninguém pode fazer as duas coisas ao mesmo tempo é claro, a não ser quando estamos bêbados após uma feijoada e desmaiamos e sonhamos que estamos cagando quando na verdade estamos mesmo, já aconteceu muito disso comigo semana passada, mas era xixi.

  Então ele andou pela floresta à procura do lobo mas acabou encontrando o papai noel, um velhinho gente boa que disse que teve que parar para suas renas poderem se reproduzir e ele não podia ficar perto porque as vezes elas também exigem um presentinho do bom e velho homem de vermelho feliz que entra pelas chaminés e come nossos biscoitos e ele tinha medo do desejo desses bichos porque uma delas era o mascote do piazinho tarado do parágrafo anterior que só pensava em putaria e as vezes abusava sexualmente delas com direito a saco na cabeça e arranhões nos chifres.

  Ele achou o lobo mal e achou o formigueiro, aprendeu a tocar guitarra muito bem e foi para a cidade grande tentar montar uma banda que pudesse o acompanhar. Como não achou ele resolveu seguir carreira solo. Fez vários hits mundiais como “o molejo do meu pau”, “a viúva do meu testículo esquerdo” e principalmente: “foda o meu cu que foderei o seu também”, essa última com um verso que dizia mais ou menos assim:
” Foda o meu cu que foderei o seu também
  troca troca é animado mas machuca até demais
  na escola eles ensinam que assim não faz nenêm
  mas foi assim que eu nasci, pode perguntar pros meus pais

  Foda o meu cu, foda o meu cu, foda o meu cu mas cospe antes animal
  foda o meu cu, foda o meu cu, foda o meu cu pra eu poder ir pro hospital”

  Esse foi o maior hit do ano, regravado por várias bandas da MTV que se sentiam totalmente a vontade cantando isso, mas o jovem Paulo Grosso queria mais, ele queria ser o melhor guitarrista e vocalista do mundo. Mas ele não cantava bem então voltou para o lobo mau pra ver se ele conseguia resolver esse problema. O lobo tirou o pau pra fora e botou no formigueiro…

Fim

Moral da história: Se você não tem algo bom pra escrever no seu blog e está sem idéias… não escreva nada.

Fim de semana perfeito

Postado por Unknown | | Posted On terça-feira, 15 de setembro de 2009 at 14:27

Sábado – Trabalho
Profissão – ajudante de eletricista
Salário – Pago em cerveja
Empregador – Meu primo
Local – Ex barzinho badalado que agora virará escola
O que fiz – Parafusei tomadas

0,,11140848,00

  Até que foi divertido isso, sabadão, 7h da manhã e eu na BR esperando meu primo aparecer com seu chevette acabado e velho, fiquei na beira como se fosse uma prostituta esperando algum caminhoneiro fortão e sujo parar e me pagar 10 reais por uma chupetinha, o que naquelas condições não sei se eu fugiria, aceitaria ou cobraria mais caro, porque entre ganhar dinheiro com a mão em uma parafusadeira ou em um… ta, esqueçam isso. Esperando meu primo na beira da BR, vendo ciclistas gordinhos tentando pedalar meia hora pra poderem encher o cu de cerveja mais tarde com a consciência limpa e um azarado trabalhador no ponto de ônibus ao lado que deu sinal pra dois lotados e eles passaram reto, eu me sentia mais livre, mais adulto, mais pobre do que nunca.

  Já no carro eu e meu primo escutávamos pacientemente um locutor de rádio contando uma porra de uma fábula sobre caramujos as 7 e meia da manhã, ninguém merece isso mas como estávamos com sono e não tínhamos assunto melhor ouvimos e aprendemos que ser um caramujo é ser um fudido (nada contra você meu amigo Mujo). No trabalho ficamos umas meia hora parados em frente ao carro bebendo café e fumando enquanto olhávamos um cara fortão fazendo massa e rebolando ao som de sua pá, então começamos o expediente.

  Fui no andar de cima, meu primo me ensinou como parafusar um interruptor, sim, eu não fazia idéia de como fazer isso, é uma coisa complicada, colocar a parafusadeira, apertar o botar em cima do parafuso, girar e encaixar. Como sempre eu fiz tudo errado no começo e depois tive que refazer quase tudo, mas tudo bem. Fiquei sozinho fazendo isso, e meu primo me sacaneou, ele queria que eu conseguisse enfiar em um buraquinho minúsculo, eu não sabia o que tinha que fazer eu não tinha enfiado em algo tão pequeno assim desde que minha mãe comprou um poodle para nos. Depois de muitas tentativas eu descobri que tinha que dar uma alargadinha neles, colocar algo menor, girar um pouco e dar umas cuspidas. ´

  Teve uma hora que eu já estava ficando de saco cheio disso tudo, sozinho, agachado, com as pernas dormentes e as mãos doendo, eu fazendo várias coisas espertar do tipo chegar bem pertinho de um buraco cheio de pó e assoprar pra limpar e ficando cego por algum tempo com isso, nessas horas eu comecei a conversar com os parafusos, isso mesmo, eu estava tão entediado que comecei a manter umas conversas com meus coleguinhas de trabalho que estavam confinados a ficar o resto da vida presos em um lugar onde ninguém te nota, comparei eles com seguranças de mercadinhos, inúteis, mas se você procurar bem lá estão eles segurando as pontas. Minhas conversas com os parafusos foi mais ou menos assim:
” Ahhh esse é meu garotinho lindo, você vai entrar ai sem dificuldades né? Vamos lá, eu sei que você não quer dar trabalho pra um jovem sem experiência como eu, vai entrar e ficar ai pra sempre certo? Isso, bom garoto, agora mais um pouquinho pra esquerda pra se encaixar bem, mais pra esquerda não cai seu filho da puta, volta pra essa porra de buraco e fique por ai merda, se acha que eu to brincando aqui? Você acha que eu gosto disso? Hein?? Hein??? Será que vou ter que usar a força bruta com você pra que você entenda seu parafusinho de merda filho de uma porca saltitante??? Entra e cale a boca, entra, ENTRAAAAAAAAAAA”.

  Em uma dessas conversas amigáveis com meus novos parceiros meu primo entrou na sala… acho que ele tá até agora pensando que sou louco, ele entrou e começou a rir da cena, eu olhei pra ele e disse:
- O que foi? Não posso mais conversar com parafusos no trabalho sem ter alguém pra achar que sou louco não?
- Calma Luan, pode continuar xingando os coitados, eu fazia a mesma coisa com meus objetos de trabalho na época que eu fui cafetão.
- Que????????????????????????????????????????????????????????????

  Após o fim do expediente (16h) nos tínhamos uma festa para ir na minha tia, mas estávamos com tempo então resolvemos passar em um boteco antes pra beber umas. Fomos em um lugar bem ao estilo que eu gosto, sujo, fedido, caro e repleto de cuzidos chatos que pagam cerveja pra nos achando que assim nos tornaremos amigos e poderemos trocar confidências no meio de um grupo cheio de gente ouvindo. Um amigo da família estava lá, cara chato e extremamente bêbado, ele faz mais piadinhas homossexuais do que eu, é incrível ouvir ele fazendo a mesma piadinha pra todo mundo:
- E ae cara, tá sozinho? Tá afim de comer uma coisa fresquinha
- To sim
- Então come eu.

  Sério, ele fez essa umas 20 vezes, encheu o saco. Então saímos de lá e fomos pra festa ficar bêbados. Presenciamos duas brigas nesse meio tempo, uma na rua onde tinha dois carinhas se pegando no tapa e duas mulheres dando murros uma na outra. Claro que paramos pra assistir aquilo,essa vila é muito parada e essa era a única alegria que iríamos ter. Quase pulamos na voadora em uns 2 que não sabiam brigar e ficavam com aquela putaria de dar um empurrão, chegar bem pertinho ao ponto de seus bigodes se entrelaçarem, olhar com cara de mal, fazer ameaças do tipo: “matarei teu cachorro com um pau na bunda”, e recebendo a resposta: “então é melhor enfiar logo o pau na sua bunda porque meu cachorro está vindo ai”, coisinhas idiotas.

  A outra briga foi da minha tia, ela endoidou quando eu tava no banheiro e começou a gritar com a irmã dela, eu fiquei com medo e nem lavei a mão, saí correndo de lá e percebi que todos os homens da família estavam lá fora fugindo também. Isso sim é uma família cheia de machos né? Briga com nos não, porque somos fodas. Ficamos lá escondidos esperando o clima amenizar.

  Na festa não aconteceu nada demais, pelo menos nada que eu me lembre de bom, só sei que ficamos bêbados e comecei a ir contra toda minha família enquanto discutíamos religião. Adoro fazer isso bêbado, pra mim é engraçado.

  Putz, esqueci de falar do mercado onde encontramos 3 meninas crentes perfeitinhas comprando chocolate. Cara, com essas meninas eu realmente começaria a acreditar em Deus e iria até na igreja por elas, porque se elas aceitassem ficar comigo já seria um puto de um milagre. Eu fiquei só olhando elas com aquelas saias gigantes e bundas perfeitas, elas nem me notaram, acho que um cara bêbado e suado comprando cerveja pra um batalhão e abrindo uma antes de passar pelo caixa não é exatamente o que elas procuram para suas vidas amorosas.

  Voltando pra casa passamos em outro bar, eu e meu pai. Vimos um bando de velhas estranhas dançando funk e olhando com cara de safada que quer ser comida por alguém que poderia ser seu neto pra mim, então saimos e fomos em outro cheio de velhos jogando sinuca sem nenhum senso de humor e muito bêbados também.

Porra, acho que chega de escrever por hoje né? Duvido alguém ter chegado até aqui mas olha que isso foi só meu sábado, o domingo eu vou deixar pro próximo post, afinal que quer saber da vida de um fracassado como eu? Mas terão que saber porque não tenho mais nada pra falar. Até o meu domingo perfeito.

Mais uma sexta-feira tediosa

Postado por Unknown | | Posted On sexta-feira, 11 de setembro de 2009 at 20:42

  Outra sexta-feira sem nada acontecendo em minha vidinha pacata e solitária. Hoje acordei cedo pra ir num curso pra aprender como me comportar em uma entrevista de emprego, mas a mulher que tava ensinando isso era muito gostosa, mas daquelas que se você prestar atenção no que ela diz acaba perdendo o balanço de seus seios. Quase perguntei pra ela se rolava umas aulas particulares porque eu realmente estava afinzão de entrar nesse mercado de trabalho.

  Mas voltando no meu dia perfeito descobri que amanhã cedinho vo ter que ir trabalhar com meu primo em algum lugar, foda, odeio trabalhar sábado e segunda, quando eu ficar milionário esses serão os dias que nunca sairei de casa pra trabalhar. Mas o que importa é que eu terei dinheiro para gastar em… em… nada, porque eu não tenho vida social. Eu poderia até gastar em bebidas ou prostitutas, mas não é tanto assim o dinheiro que dê pra gastar nos dois e entre mulher e cerveja…

DSC00591(foto tirando enquanto escrevo esse post, então se eu falar alguma merda é culpa dessa loira ai)

 

  To aqui, bebendo, escrevendo, procurando alguém que ainda converse comigo no msn e que não tenha vida social também, verei um filme daqui a pouco, ou dois se esse torrent acelerar (más influências, a gente vê por aqui), e não, o filme não é pornô. Verei o novo do Jack Black, ano um, eu sou fã desse cara também, ainda sei de cor a trilha sonora inteira da pica do destino (The pick of destiny, no brasil, uma dupla infernal ?????), verei até meia noite para poder acordar cedo e ir trabalhar, serei assim até eu encontrar uma mulher boa o bastante pra me sustentar em troca de sexo, pode até ser com outro homem, eu não ligo.

  Cansei de escrever, vocês que se fodam porque eu vou aproveitar minha solidão bebendo cerveja e vendo filmes ilegais. Até um dia que eu estiver afim de escrever nessa bagaça e se não gostaram desse post, penetrem uma lata de Skol em seu rabo pra ver se conseguem jogar pinball interno usando os mamilos como botões. Fui

Qual é o seu talento?

Postado por Unknown | | Posted On quarta-feira, 9 de setembro de 2009 at 22:23

O meu é desenhar

blog(Pow, riam, eu fiz com tanto carinho e amor só pra vocês)

 

  Hoje eu tava vendo aquele programa do sbt qual é o seu talento, eu tive que ver né? Eu faltei aula então tive que ficar bem quietinho no meu quarto pro meu pai não ver e não brigar comigo, mas também muita sacanagem o que aconteceu hoje, choveu a tarde inteira, alagou tudo aqui, e chega na hora de eu ir pra escola a chuva pára e o sol sai, ahh vá tomar no cu, assim não dá, São Pedro/Longuinho/Sebastião/Molhadinho ou seja lá que porra de santo que tem alguma coisa a ver com a chuva só podia ta me sacaneando. Mas beleza, fiquei no meu quarto, tudo fechado, luz apagada e tv bem baixinha pra ninguém ouvir e fiquei vendo esse programa. Não é ruim não, tem uns carinhas loucos lá que são engraçadinhos e foi uma hora perdida mas legal do meu dia, bem melhor do que ir pra escola, não pegar ninguém e ouvir professores entediados lendo coisas pra uma turma mais entediada ainda que estão lá porque são obrigados , eles poderiam estar roubando, poderiam estar matando, poderiam estar se prostituindo e estão realmente fazendo tudo isso, só que no colégio.

  Mas beleza, eu nunca assisto tv aberta (nem fechada, porque sou pobre), apenas de madrugada e na hora do almoço, que vejo o Ratinho, não me perguntem porque mas eu gosto desse cara. Nesse programa eu achei a menina perfeita, aquela Brenda, que faz malabarismos com os pés. É feia pra caralho, mas porra, ela faz malabarismos com os pés. Imagine eu namorando ela, ela me pega de jeito na cama, me joga pra cima, me pega com os pés e começa a me girar pra um lado e para o outro enquanto meu pinto bate em sua cara (como se fosse tão grande assim, mas não custa sonhar), depois me joga novamente na cama, eu massageio seus pés que estão cobertos de merda pois ela precisava de um apoio, então ela me gira mais um pouco, eu vomito em cima dela e ficamos felizes para sempre.

  Tá, esse sonho é estranho e não, não me apaixonei por ela, ela fica fazendo uma bola subir em uns bagulhinhos até uma cesta, tenho medo do que ela poderia fazer comigo. Tinha lá também um casal de acrobatas, sei la o nome daquilo, que ficam num bagulho se segurando e fazendo coisas loucas com o corpo. Eu imaginei eles transando, se eles fazem aquelas coisas, porra, acho que depois do sexo o cara fica uma semana procurando onde foi parar seu pinto. Sempre quis uma mulher que se esticasse toda desse jeito, eu poderia comer ela enquanto ela cutuca meu anus com o nariz, seria perfeito.

  Os jurados são estranhos, um gordo, um velho rabugento que se fosse meu vô já estaria em um asilo a uns 10 anos, uma gostosa com sotaque bunitinho e um carinha que acho que é o “líder” que fica bravinho quando os outros não fazem o que ele quer. É divertido esse pessoal, eles eram jurados do ídolos/astros sei la, que é outro programa que eu gosto porque eu sou vocalista e gosto de ver pessoas usando bem sua boca (é, sem piadinhas).

  qualeoseutalento_sbt_lourivalribeiro560(da esquerda pra direita: gordo, gostosa, líder, não sei, ex-mtv, velho rabugento)

 

  Programas bons da tv aberta brasileira são poucos, e os bons são simplesmente bons… nada excepcional. Eu gosto de cqc, gosto do Jô porque sempre assisti ele, gosto do Ratinho, gosto desses ai que já disse lá em cima, gostava do cine band privê que me iniciou na pornografia quando eu ainda nem sonhava em ter internet (Emmanuelle, ja bati muitas pra você gata), e acho que é só. Acho que vô participar do próximo astros cantando minhas músicas, será que daria certo? Eu iria para a final e ganharia seja lá qual for o prêmio? Um dia eu crio coragem pra isso.

  Outra coisa, eu sempre quis ter um “talento”, se é que posso chamar assim, de poder apenas com a mente fazer as pessoas terem um orgasmo coletivo. Isso seria super engraçado e muito útil, imagine você chegar numa suruba, começar a usar a sua força e fazer todos gozarem ao mesmo tempo? Se fosse uma suruba gay eu teria que ir de guarda-chuva, mas seria legal. Ou então eu to lá comendo uma menina bêbada e percebo que ela tem hemorróida e broxo, ela nem perceberia, pois ela ficaria feliz, e se eu pudesse usar isso em mim mesmo também ficaria feliz, o mundo ficaria feliz e seria um lugar melhor para se viver, faria em praias de nudismo, casas de swing, igrejas e… ok, chega de viajar por hoje.

Agora já posso voltar a escrever

Postado por Unknown | | Posted On terça-feira, 8 de setembro de 2009 at 13:53

lapis para desenho bruynzeel 4B

  Sei que demorei pra escrever algo aqui, mas é que esse feriado é difícil pra mim escrever. Eu fico bêbado, e tava com visita aqui em casa uma praga que pensei que nunca mais fosse embora, acordei hoje seco pra expulsar ele mas ele já tinha ido, malditos amigos… e não consigo escrever com pessoas ai lado, sei la, sou meio fresco, pra escrever eu preciso de todo um ritual sagrado. Primeiro eu tenho que ficar nu igual eu to agora, porque eu tenho a mania de colocar o teclado no colo, ai eu me excito com minhas próprias palavras e o teclado chega mais perto de mim, dando mais conforto, e a cada palavra digitada dá uma batidinha no meu amiguinho que deixa ele feliz e alerta. O único ruim é ter que equilibrar ele, mas eu já sou prático nisso. Cada frase é uma aventura aqui, aperto CAPS ele vai pra esquerda, ai eu tenho que apertar Backspace pra equilibrar, ainda to aprendendo o exercício secreto das bolas flutuantes, se eu conseguir isso nunca mais precisarei equilibrar, elas servirão de apoio em cada lado do teclado.

  Outro ritual pra escrever que eu utilizo é me trancar no quarto, em silêncio total, bebendo alguma coisa que contenha cafeína/alcool, fumar um cigarro e peidar ao mesmo tempo. Isso é simplesmente a melhor coisa que existe, peidar e fumar ou cagar e fumar é uma maravilha, adoro ter algo saindo de mim por um lado e entrando por outro, agora eu sei como as mulheres se sentem quando dão pra dois caras ao mesmo tempo naqueles filmes pornos, e imagino porque elas estão sempre felizes e no final dão um sorrisão pra câmera com a cara toda melecada, eu também faço isso, mas ao invéz de dois caras fortões, bonitões e jebudos, eu simplesmente cago e fumo. Quando eu acabo eu olho pra privada, dou um sorrisinho maroto pro meu recém nascido e sempre falo a frase sagrada de toda pós merda: “ Caraioooooo, se isso estivesse entrado ao invéz de saido eu tava fudidoooo mermão”, ai aperto a descarga e volto pra realidade fora do banheiro trazendo apenas uma pequena lembrança de minha aventura natural que é ficar com a bunda assada pelo resto do dia.

  Mas não é fácil escrever, eu sempre tenho boas idéias no meu quarto de madrugada, mas nessas horas o pc sempre tá desligado e não posso escrever, então eu faço outras coisas com ela, como escrever usando um lápis, gravar com o celular eu fazendo a piadinha ou simplesmente me masturbando com isso, é, idéias sempre me excitam, principalmente quando eu penso em novas fantasias sexuais envolvendo mulheres que não conheço e que nunca me darão moral (sim, isso envolve VOCÊ), mas no final eu sempre acabo tenho boas idéias.

  Quando eu não tenho idéias eu não escrevo, simples, hoje por exemplo eu to sem porra nenhuma de idéia do que escrever e como vocês já devem ter percebidos to só enchendo linguiça aqui pra deixar vocês calmos até o próximo post que será bom (ou não), mas é foda escrever sem estar com vontade. Escrever sem vontade é a mesma coisa que transar sem vontade, perguntem pras suas mulheres/namoradas como é isso, vão por mim, elas sabem do que eu to falando, principalmente quando elas tem que transar com maridos/namorados ogros, feios e tarados iguais vocês leitores desse blog.

  Mas eu tenho o dia de não querer escrever porra nenhuma senão é capaz de minha mão cair, o dia que não quero e não tenho o que escrever mas escrevo mesmo assim (hoje), e o dia que to inspiradão e escrevo tanto que sou bloqueado por umas 5 pessoas no msn. Nesses dias eu tento fazer uns 3 posts e deixar um guardado pro dia que eu não quiser escrever, mas eu sempre sou apressadinho demais e acabo postando tudo na mesma hora, isso faz com que ninguém leia tudo mas…

  Tá, cansei de encher linguiça, vão ler algum blog útil enquanto eu não penso em nada melhor, tipo… redtube \o/.

Bêbados são engraçados

Postado por Unknown | | Posted On sexta-feira, 4 de setembro de 2009 at 17:43

Atenção, esse é um texto-baseado

DSC00588 em fatos reais.

 

  Acho que uma grande parte dos leitores desse blog sabem como é ser um bêbado, se nunca aconteceu com vocês provavelmente já encontraram algum cara mamado pela rua cantando, xingando, te cantando, te xingando ou fazendo qualquer merda de bêbados. Eu acho isso incrivelmente engraçado, até certo ponto.

  Eu sou um bêbado, eu sei como é isso, com o alcóol no sangue nos ficamos mais felizes (ou emos), queremos conversar com todo mundo e achamos que todos ao nosso redor tem que gostar de nos e bater um papinho, sempre falamos/fazemos merda nessa situação, cantamos mulheres que nem meu amigo Ramon seria capaz de cantar (e eu já disse aqui como ele é, ta se mexendo, respira e faz coco ele tá pegando), somos incrivelmente chatos quando ficamos assim, mas também somos mais alegres e falamos tudo o que se passa pela nossa cabeça.

  Esses dias eu estava no bar com minha família, lugarzinho agradável e tal, com novos donos que são mais legais que a tia Erva (antiga propietária do bar, não me perguntem porque chamávamos ela assim), e no final da noite, apareceu um bêbado na nossa mesa. Ele começou a conversar primeiro com meu amigo que tava do lado e eu tava me matando de rir, porque meu amigo é cabeludo e o bêbado tava cantando ele achando que era mulher (sério), então ele se virou pra mim e perguntou:
- Eii cara, porque você ta rindo? Hic. Nem vem atrapaiá meus esquemá rapá
- Po, foi mal tiozinho, mas to imaginando a sua surpresa quando conseguir levar ela pra cama, espero que você esteja bêbado o suficiente pra aguentar o que vai vir.
- Você tá zuando comigo seu pirralho?
  Ele levantou e queria brigar comigo, eu também tava meio bêbado e rindo um monte, mas ele tava muito bravo, meus pais só davam risada ao lado, então ele ficou de pé no meu lado, nem um pouco firme mas querendo me bater.
  Como eu não parava de rir ele veio pra me dar um soco, sabem como é um soco de bêbado né? Passou a 2 metros do meu corpo, ele desiquilibrou e caiu no chão. Todos nos começamos a rir dele quando o dono do bar chegou e mandou ele sair, agarrou o velho, deu uns tapas pra ele acordar, e expulsou ele do recinto. O dono pediu desculpas por isso e nos deu uma cerveja de graça e tudo acabou bem \o/.

  Voltando pra casa nos encontramos o velho dormindo na esquina mas nem demos bola, só fiquei imaginando o tamanho da ressada moral que ele terá no dia seguinte.

  Ressaca moral é mil vezes pior do que a normal, quando acordamos e começamos a lembrar das coisas que fizemos no dia anterior, eu sei porque já tive muitas dessa, acordar com cheiro de vômito e a primeira coisa que aparece em nossa mente é: “ Filho da puta, eu realmente disse pra ela que nos não poderíamos ficar porque eu tinha medo de ela me engolir?” ou “ Droga, mesmo depois de eu ter dito isso ela me beijou e fiquei desfilando com ela por todo lugar, de mãos dadas com uma gorda sem dentes e ela nem me chupou. Espero nunca mais encontrar ela”;

  Essa coisa é um saco, ver bêbados na rua é extremamente engraçado pra mim, eu adoro conversar com um sem entender nada do que ele diz e falar um monte de merdas sem sentido também, mas ser um bêbado é triste… mas que ta se importando?? O que importa é se sentir bem na hora, foda-se o amanhã, a ressaca, os vômitos, ser bêbado é ser feliz (até o ponto que você morrer por problemas no fígado 20 anos mais cedo do que esperava).

  Sim, eu me contrariei, ser bêbado é triste e ser bêbado é ser feliz, mas quem bebe entendeu o que eu quis dizer, mesmo eu próprio não entendendo o que eu quis dizer, mas foda-se…

  bebado

  Então bebam, fodam, comam, respirem (esse é o único que você não pode esquecer) e sejam felizes. Se não beberem, comprem cerveja pra mim, to pobre…

 

  Esse é um texto patrocinado pelo Velho Barreiro (ta, nem é, mas um dia será. Eu ajudarei eles a matarem mais pessoas no trânsito e a aumentar a população mundial fazendo propaganda de seus produtos e receberei pra isso, por enquanto farei de graça mesmo)

O que eu fiz quando fiquei sem net

Postado por Unknown | | Posted On quinta-feira, 3 de setembro de 2009 at 22:09

1 – Aprendi a lutar vendo o Bruce

DSC00578Chupa Chuck Norris

Morreu o Bruce Lee, tadinho, mas deixou algo de bom para todos nos, aprendi com ele que você pode parecer um merda, dar gritos de gay, ser magrinho e feio, mas mesmo assim pode dar um chute fodão e ainda derrotar o Chuck Norris. Claro que isso não vale pra mim porque sou gordo, feio, posso dar gritos gays e só consigo derrotar meu espelho, quebrando ele usando apenas minha cara.

2 – Li alguns livros

DSC00575

Mas continuo sendo burro. E sim, sou fã do Stephen King, meus outros dele estão emprestados para pessoas que nem lembro quem são e nem sei se terei eles de volta. Os emprestados são: As 4 estações, cemitério maldito, O iluminado e Carrie. Se você pegou eles de mim e está lendo isso, devolva maldito, eu quero eles de volta.

 3 – Toquei violão

DSC00561

Ta, tentei tocar violão pelo menos. Fiz umas musiquinhas bunitinhas que vocês poderão ouvir em breve, assim que eu aprender mais de 3 acordes e parar de falar putaria nas letras (todos vocês sabem que esse último nunca vai acontecer, mas eu me esforçarei). Ao lado dele ta um conhaque de mel, coisa ruim pra caralho, não bebam.

4 – Fiz um teatro de meias sujas

DSC00576 

Porque falar comigo mesmo é divertido. O da mão esquerda é o João sem pau e o da direita é o Sr. Gozadinho. Eles são engraçados, um dia faço um video deles pra vocês.

5 – Revirei minha caixa secreta e relembrei meus RPGs do Play one, saudades dele…

DSC00577

Eu era (sou) fã de Final Fantasy, ali tem o 7,8 e 9, que me deram muitas horas de diversão e muito ódio também. Malditas Weapons, mas eu derrotei vocês. Também tem Legend of Legaia, chrono cross e legend of mana. Bons tempos que não voltam mais. Alguém me doa um playstation? Ou terei que pedir pra Maisa?

6 – Háá, relembrei minha adolescência sem conhecimento musical e sem internet que me faz gastar muito dinheiro em…

DSC00580

Discografia do Eminem \o/. Não completa porque na época eu não achei outros, mas ta quase la. Vergonha desse tempo, mas fazer o que? Não quebrarei eles como fiz com outros da minha infância negra porque foram caros demais e um dia poderei vendê-los, mas não se preocupem, essa época já passou e agora sou outro homem(??)

  É, depois dessa eu só peço uma coisa: VOLTA INTERNET, eu não sou nada sem você. (Claro que quando eu postar isso ela já vai ter voltado, mas até lá continuarei fazendo coisas inúteis e vergonhosas).

O número 7 da lista era pra dizer que bati punheta, mas não consegui tirar uma foto boa disso, a imagem ficava toda branca e não dava pra ver nada, mas prometo que na próxima postarei.

Como seria minha vida

Postado por Unknown | Marcadores: | Posted On quarta-feira, 2 de setembro de 2009 at 22:47

Se eu fosse um personagem de jogo de estratégia

DSC00571

Eu provavelmente seria um cara fodão, não o líder de grupo nenhum porque eles normalmente são uns merdas que só sabem dar ordens mas morrem no primeiro cuspe que receberem na cara, eu seria aquele cara que aparece no meio do jogo, quando o mocinho ta caindo, a mocinha ta prestes a ter sua virgindade retirada a força por homens armados e grandões, eu apareço para violar a virgindade dela antes dos inimigos e mandar o mocinho se virar sozinho. Eu usaria armadura negra, uma espada grande pra compensar a faquinha inofensiva da cintura, cabelos radiantes à luz do sol, tratado com progressivas e seda teen para parecer um galã de novela mexicana em decadência com sede de vingança e um escudo anal que faria o Kid Bengala se transformar em Kid Cipó se tentasse me comer. Eu entraria no meio do jogo e todos tremeriam na base, o chefão do 5º castelo, onde o Bowser se esconde paquerando a princesa indefesa e esperançosa que alguém gostoso, forte e lindo chegue para resgatá-la mas no final sempre aparece um gordinho idiota que pula na cabeça dos inimigos ficaria assustado com minha presença e mandaria os mais fortes guerreiros me atacar, mas todos padeceriam perante minha força extraordinária, conseguida após anos de treinamento com o mestre miyagui e anos de trabalho duro em lava car semi falido do meu tio João, cara legal, pagava em dia, pena que teve uma vez que sua mulher morreu, era sexta a noite, eu precisava beber algo e ele não pode abrir o lava car e fiquei sem nada pra beber, consequentemente não comi ninguém aquele dia, porque só como quando to bêbado, sabem como é né? Ficamos menos exigentes quanto a categoria de nossas comidas, quando em um dia qualquer comemos apenas filé com salmão ao molho de cenouras refogadas devidamente aquecidos em um microondas electrolux, quando estamos bêbados qualquer feijoada com pelos servidos na chapa aquecida com fósforos de motel serve. Claro que quando eu fico bêbado a chance delas ficarem bêbadas também é grande, ali elas que ficam menos exigentes, mas eu posso comer de qualquer jeito então ta valendo, mas não é sobre comida que esse post trata né?

Eu iria destruir o maléfico Bowser e resgatar a princesa, mas um encanador sairia pelos meus canos secretos e a tomaria de mim, então eu voltaria triste, mas nunca derrotado, para a batalha. O mocinho diria que precisaria de mim, porque sem eu ele não é nada e que a vida de muitas pessoas dependem do que eu fizer, então rapidamente tiraria minha roupa de bombeiro que eu estava usando para a parada gay que estava acontecendo paralelamente a batalha em um joguinho qualquer do wii e iria a luta novamente para conseguir meus ideais e poder evoluir para o level 7 e poder finalmente capturar o Charizard, que é level 6 mas mesmo assim consegue ser muito mais forte do que eu, minha pokebola não tem detectores de fumaça porque eu tirei quando resolvi enfiar ela no cu e ela apitava sempre que eu começasse a me excitar e ficar pelando.

DSC00572(essa imagem foi tirada no mesmo lugar que a anterior, mas vejam que agora o Rebel ta matando outro inútil do meu grupo)

Uma vez eu joguei final fantasy tactics mas não consegui liberar o Cloud então fiquei bravinho e quebrei o cd, alguém me empresta ele? Peguei o detonado na web agora e acho que consigo.

Mas então eu passaria por vários castelos, mataria muita gente ao lado do meu recém amigo Lobo Azul, não sei o nome dele, mas ele é um lobo… e é azul, então comecei a chamar ele assim, na verdade ele nem é um lobo, é um velho que se transforma em lobo quando atinge seu cosmo máximo e libera seu 19º sentido, mas não pode passar disso, quando eu me empolgo demais e faço ele liberar o 20º ele vira uma borboleta, no 21º ele se transforma em mim e tenta me comer porque sou irresistível demais até pra mim mesmo, na verdade eu sempre quis me comer até eu perceber que pode não parecer tão grande assim mas dependendo da força e da falta de carinho antes machuca demais, por isso evito deixar ele passar para esse nível. Mas voltando, eu e meu lobo azul, já expliquei porque chamo ele assim né? Não tem nada a ver com a pílula, quando ele toma ela vira um jegue e jegues machucam, não que eu saiba disso mas eu tinha um primo que morava no interior que me disse que uma vez quando ele ganhou seu primeiro sapato de presente mas não sabia como amarrar e tentou por horas a fio essa façanha que nem é tão complicado assim é só usar as dicas de mamãe e a orelhinha do coelho o que eu nunca entendi porque tinham que ser iguais a do coelho para amarrar certinho já que o tênis nem era nike que se reproduz entre as crianças tão rápido quanto um kichute nos pobres mas isso não tem nada a ver com a historinha.

Eu cheguei no último castelo, eu deveria matar o último chefão para conseguir fazer não sei o que porque não entendo inglês e ler a historinha do jogo é chato demais, eu fico apertando X pra pular elas, então eu percebi que o chefão era na verdade meu pau que a anos tinha se separado de mim por mal uso deste e queria vingança, eu não poderia vencer ele mas ele sequestrou a mulher que eu amava, o que não entendi já que se eu matasse meu pau pra que eu iria querer uma mulher? Foi nessa hora que minha primeira namorada presa por uso indevido de drogas prejudiciais ao organismo feminino apareceu e soltou um hadouken misturado com um meteoro que na verdade era um yoga fire do dhalsim que destruir meu pau e me fez pensar no quanto os poderes de yoga poderiam ser úteis quando ainda namorávamos e eu tinha um pinto, então eu me mataria, o mocinho comeria a mocinha que nessa parte do jogo ja tava mais aberta que marmita de pobre em coletivo lotado, e todos viveriam felizes para sempre, menos eu que morri é claro, e nem o lobo azul, que tomou viagra demais, tentou se comer e morreu com um peido entalado no reto que explodiu suas cabeças em 3 partes cada.

DSC00574

Seres humanos são estranhos

Postado por Unknown | | Posted On terça-feira, 1 de setembro de 2009 at 00:41

  Eu tenho medo de pessoas, isso é fato e todos aqui já sabem disso, mas eu tenho medo porque muitas delas são estranhamente estranhas. Pessoas matam umas as outras, pessoas defendem as plantinhas com sua própria vida, pessoas assistem Bog Brother, pessoas leem esse blog, pessoas se matam por causa de uma mulher… falar nisso, eu tenho sinplesmente ódio de mulheres mandonas. Eu conheço várias assim, daquelas que protegem a vida de seus machos a todo custa, dizem o q eles devem fazer, dizem quando fazer, dizem onde colocar, mulheres assim me dão raiva, claro que elas tem todo o direito de serem malvadas com seus maridos/namorados/fodinha de verão, já que eles são uns otários que aceitam tudo em silêncio, mas algumas exageram legal. Domingo estávamos todos na casa da minha tia, todo mundo feliz, bebendo, conversando, então meu primo me chamou no canto e pediu pra eu chamar os outros homens para ir jogar sinuca no bar da esquina. Eu fui, todos os homens tiveram o cadeado destrancado e iríamos felizes. Quando estávamos saindo a mulher desse meu primo (que é minha prima. Dãããã) perguntou onde ele tava indo e mandou ele voltar, porque ele não tinha pedido pra ela. Resultado, ninguém foi jogar, por causa de uma mulher que pra ter sua própria felicidade impede os outros de serem felizes.

  Olha, ficou bonita essa frase*-*. Mas também to pouco me fudendo pra isso, tenho quase certeza que quando eu encontrar alguma louca que goste de mim ela vai poder mandar a hora que quiser, acho que no fundo os homens gostam de ser mandados, gostam de ter alguém que manda te beijar após o boquete, que controle sua vida. Mas esquece disso, deixaremos as mulheres em paz por enquanto.

  Minha professora gostou da minha musiquinha, uhuuulll. Irei regravar ela e postar aqui em breve, ta tão linda. Assisti Brüno duas vezes, bebi demais e to falando isso só porque tenho porra nenhuma pra postar então quero ficar enrolando pra ficar um post grande e vocês poderem perder tempo lendo até que eu pense em algo melhor para escrever. To tentando ver pornografia mas meu pc não ajuda, então acho que usarei a minha imaginação. Farei a clássica do banheiro, quando eu to cagando, bem de boa, então ouço uma batida na porta, abro e é aquela vizinha gatinha que sempre me deu bola mas eu nunca tive coragem de chegar. Ela pergunta se pode entrar, eu digo: é claro, então ela manda eu levantar e limpa minha bunda com a mão lambendo-a logo em seguida. Então ela me beija e eu sinto o calor de minha própria merda em sua lingua e fico doidão, ela me joga na privada e abaixa as calças e começa a cagar em cima de mim até que

  Tá, vocês não precisam saber dos meus sonhos eróticos perfeitamente normais. Meu filme pornô terminou, até a próxima.

Obs: Pra foto que ilustraria esse post coloque uma sua, já será o suficiente pra ter uma idéia do que você leu.

 
Web Analytics