Vida de frentista parte 3

Postado por Unknown | | Posted On segunda-feira, 26 de setembro de 2011 at 12:57

esso

- Boa tarde, encha o tanque com Etanol por favor.

  O cliente sai do carro e vai acompanhar de perto a ocasião especial de ter seu tanque enchido pela primeira vez em anos, e resolve puxar assunto com o frentista para ver se o distrai e faz ele derramar tudo em seu carro, manchando instantaneamente.

- Esse álcool de vocês tá caro hein? O mais caro que já vi, porque isso?
- Porque nosso salário é muito alto, temos que cobrar caro pro chefe poder me pagar.

  O frentista brinca, como já brincou com vários clientes anteriores. Ele espera que o único neurônio em funcionamento na cabeça de um dono de corsa possa informá-lo de que não são os frentistas que fazem os preços, e sim Deus.

- No posto ali de cima o etanol tá 50 centavos mais barato do que aqui, e naquele da trincheira está 40 centavos mais barato e ainda posso parcelar.

  O frentista para a bomba, meio de saco cheio, meio ressaqueado, muito de mal humor.

- já foram 10 litros, quer que eu pare aqui? Ainda não encheu, mas já dá pro senhor chegar nesse outro posto.
- Eu pedi pra você encher o tanque, por acaso você é retardado?

  Isso já é demais para um simples frentista mal pago aguentar, então ele retruca com o tom ligeiramente mais alto do que o normal:

- Sim, eu que sou retardado, sou bem eu que paro em um posto, vejo que o preço é mais alto que em qualquer lugar, e mesmo assim encho o tanque só pra poder reclamar com o frentista que não tem merda nenhuma a ver com isso. Se quiser reclamar, aquele de vermelho é o gerente, vai encher o saco dele porque pra mim já deu.

  Ele vai. Puto da vida por ter sido xingado pelo frentista bochechudo de merda, e reclama com a gerência sobre o preço de seus produtos e a atitude de seu funcionário.

- Vai à merda, ninguém aqui é dono de posto, se não gostou dos nossos preços agradeceríamos que fosse pra outro lugar e nunca mais colocasse os pés por aqui. E quanto ao Luan, ele só disse a verdade. Você que é o retardado por estar abastecendo aqui e reclamando com ele.

  O cliente foi embora, sem pagar, queimando pneus e com uma promessa de processo. Ao pobre frentista nada aconteceu, afinal, é só mais um cliente retardado entre milhares que ele atende por dia.

  Ignorância, agente se vê por aqui.

 

“Qualquer idiota pode fazer nosso trabalho, mas apenas um bom idiota pode fazê-lo sem reclamar”
Um frentista famoso

blog comments powered by Disqus
 
Web Analytics