Querida mamãe

Postado por Unknown | | Posted On terça-feira, 30 de agosto de 2011 at 13:51

 

  Venho por meio desta para informar-lhe que a senhora está sendo intimada a comparecer na corte mais próxima, para, assim sendo, ser devidamente processada pela acusação de gerar e criar um filho exageradamente idiota.

  Qualquer alegação contrária, ou que diga por meios amorosos que a estupidez de seu primogênito não seria a sua culpa, e sim culpa da sociedade, será automaticamente ignorada e você deverá pagar a quantia exata de 10 reais, para que o tratamento comprovadamente eficaz gerado através de bebidas alcoólicas, possa ser continuado e seu filho seja tratado dessa que é a maneira científica mais eficiente já comprovada pelos já citados cientistas, tornando assim um tratamento científico feito por cientistas para a recuperação total ou parcial de neurônios de seu mentalmente conturbado filho.

  A redição dessa carta já é prova suficiente de que o seu trabalho como mãe não é lá muito satisfatório, excesso de amor e confiança podem contribuir para a idioticidade de um ser humano, uma boa mãe que não tenha a vontade de ser processada por seu próprio filho, submete-o logo cedo a um tratamento a base de porrada, ignorância e falta de carinho, o que não foi o seu caso como todos podem perceber, então, por esse motivo fútil e idiota, você deverá depositar a quantia estabelecida na conta corrente do tio de seu menino, não em sua própria, porque ele é estúpido demais para descobrir como abrir uma conta corrente em algum banco sério.

  Aguardamos seu contato o mais breve possível, até lá, tente ser uma mãe melhor e espanque regularmente seu outro filho, não o que está em sua barriga, porque isso seria estupidez, e estupidez é algo que somos totalmente contra, e sim o seu filho vivo do meio, aquele com a cabeça de tamanduá.

  Com amor, seu filho mais velho. Banqueiro, santista, romântico e imbecil. Carlão. Ou Alice para os gays.

 

 

  O seguidores do velho barreiro informa que seu idealizador e fundador, Luan, não tem nenhuma participação criativa nesse texto. Ele é apenas um teste para tentar descobrir quantas mariposas adultas cagam na chuva.

 

  Duas e descendo.

blog comments powered by Disqus
 
Web Analytics