Como seria minha vida…

Postado por Unknown | Marcadores: | Posted On quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010 at 14:35

Se eu fosse um filme de Steven Spielberg

steven_spielberg

  Há muito tempo atrás, numa galáxia muito, muito distante… opa, filme errado.

 

  Eu seria um caçador, à procura da arca perdida, a qual, diz a lenda, possuir o único artefato para resgatar o soldado Ryan das mãos de terríveis criaturas presas em um mundo perdido repleto de dinossauros.

  Ryan foi meu amigo, grande amigo, passamos um mês inteiro caçando juntos em uma montanha, apelidado de Brokeback, logo antes de ele ser capturado por vilões malvados que o levaram para esse parque, eu, felizmente, consegui fazer uma louca escapada e sair imune a essa captura sem sentido.

  Como eu poderia chegar até essa arca? Isso eu não fazia idéia, seria uma longa jornada, eu estava no limite da realidade e sabia que uma guerra muito louca estava prestes a começar. Caminhando pelos pântanos azuis de Munique, eu encontrei uma lista, uma lista de cor púrpura que dizia no seu topo pertencer a um tal de Schindler, embaixo tinha algumas explicações sobre o mundo onde eu estava, quem escreveu parecia saber da minha vida e minha busca, e queria me ajudar. Estava escrito nela:
- Cuidado com o tubarão, ele é bem malvadinho
- Encontre Tom Hanks no terminal
- Ele te dará uma pokebola
- Amistad
- Peter pan não lembra mais de sua infância, capitão gancho sim
- Me come
- Judeus são legais, mas tem o pinto cortado

  Não entendi nada dessa lista mas continuei andando, fui atrás do Tom, no terminal mais perto que encontrei. Chegando lá encontrei ele, tristonho em um canto, sem poder voltar pra casa, sem poder sair. Falei para ele sobre a lista, sobre minha viagem e ele me entregou a pokebola, brilhante e maravilhosa, e disse para eu usar apenas em uma emergência. Depois disso ele foi preso e levado para o império do sol, um lugar onde pessoas boazinhas vão para queimar.

  Continuando minha viagem, entrei em uma caverna, segundo as pessoas do vilarejo local era lá que se encontrava a minha arca. Tive que passar por vários obstáculos, desviar de flechas, pular corda, amarelinha, jogo de damas com um fantasma, até que chegando no desafio final, apareceu um tubarão gigante e faminto na minha frente. Sem pensar, peguei a pokebola que tinha adquirido e a arremessei em sua direção. Ela se abriu e de lá saiu um ET, um pequeno e indefeso ET, ele começou a falar casa, casa, telefone, puta que pariu quero ir para casa, e o tubarão o comeu.

  Após algum tempo o tubarão começou a brilhar e logo explodiu, de dentro dele saiu o ET montado em uma bicicleta voadora que o levou para bem longe, para além da eternidade.

  Peguei a arca e abrindo fui transportado para o parque de dinossauros. Lá tinha um monte de… dinossauros (sério?) que queriam me comer e um guardinha que queria me prender. Saí correndo, desviando de todo mundo, e no auge de minha velocidade gritei para ele “prenda-me se for capaaaaaaz”. E ele prendeu.

  Fui parar em uma cela ao lado do meu amigo Ryan, mas ele não era ele mesmo, era um robô com uma inteligência artificial meio boba, lembrando os inimigos dos jogos de luta de videogames antigos. Num canto da cela encontrei uma placa escrita: “minority report, ligue, 666 futuro para ser salvo”.

  Encurralado e sem saber como ligar, tentei estuprar o Ryan robô, e tirando sua camisa encontrei vários números. Disquei aqueles e logo apareceu o ET novamente. Meu segundo contato de 3º grau aquele dia, encurralado, sem saber o que deveria fazer, montei em sua bicicleta e fui voando para a lua, sem meu amigo, sem minha vida antiga e sem comer ninguém, voei e sumi daquela eterna guerra dos mundos, onde a Dakota não parava de gritar…

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

  Post sem graça e retardado mesmo, eu sei pessoal, é que apostei com meu amigo que eu conseguiria fazer um post utilizando todos os filmes já feitos por um diretor famoso, escolhi o Steven, não sei se consegui, devo ter esquecido algum, mas dá nada, o que importa é a tentativa.

ET

http://pt.wikipedia.org/wiki/Steven_Spielberg

Prometo algo melhor em breve.

blog comments powered by Disqus
 
Web Analytics