Eu não entendo os bissexuais

Postado por Unknown | | Posted On quarta-feira, 18 de novembro de 2009 at 15:16

Atenção, esse é um post homofóbico feito por um cara 100% nem um pouco homofóbico eu acho. Fiquem a vontade para me xingar, essa é só a opinião de um cara que realmente não entende vocês.

batmanrobinantigo2

  Bissexualidade… o que dizer sobre isso? Estamos no século 21, isso é normal, principalmente nos pré adolescentes filhinhos de papai que dizem querer experimentar coisas novas. Nunca entendi isso, o cara tá lá sussegado no sofá e derrepente começa a pensar: “Caralhoooo véio, como será que é ter um pinto enfiado na minha bunda? Terei que sentir isso, acho que meu amigo Pedrinho vai me ajudar”. Ai ele vai lá e dá, talvéz goste, talvéz machuque, isso depende apenas do Pedrinho.

  Com as mulheres também, devem pensar: “Pintos são feios, estranhos, acho que vou fazer algo melhor, pegar minha amiga, ela tem belos peitos e acho que será uma coisa muito boa para nós duas”. Ai ela vai, transa com a amiga e talvés goste, talvés não, depende do tamanho do vibrador.

  Isso é estranho, pelo menos pra mim, não está certo. A lei da natureza é o oposto do que você tem entrar em você, ou colocar em algo oposto ao seu, bundas foram feitas para cagar e quem sabe para fazer brincadeirinhas com seu próprio dedo, e não para ser penetrado brutalmente por um virgem que enfiaria até em um cactos se tivesse uma camisinha de ferro.

  Beijar um ser do mesmo sexo eu também já acho estranho, nunca me imaginei beijando um homem (opa, droga, agora comecei a imaginar, ahhh faça eu parar), com aquela barbicha roçando em minha cara e aquela língua feita para lamber clitóris encostando na minha que foi feita para lamber meu próprio saco se eu conseguisse.

  Eu tinha um amigo que era bissexual (estou me focando mais em homossexualidade do que em sapatossexualidade [????] porque mulheres se beijando me excitam, e se eu começar a pensar nisso esse post não sairá porque meu teclado pode parar de funcionar), sim, ele disse que ERA. Só uma coisa de adolescente que queria experimentar coisas novas, eu também já fui adolescente, acho que ainda sou, mas o que eu experimentei de coisas novas sou viciado até hoje, e isso não envolve pintos. Ele disse que um dia estava lá, na casa de um amigo vendo um filme pornô. Os dois estavam excitados e tal e começaram a se masturbar um na frente do outro. Eu não quis saber os detalhes e acho que vocês não vão querer saber também, mas foi tenso o bagulho.

  Nem tenho mais o que falar sobre isso, foi legal falar mal dos homens e das mulheres, mas isso não faz sentido e tá chato pra caralho. To preparando um post bom e esse foi só para completar minha série “eu não entendo” e para fazer as pessoas que vão no meu msn me encher para postar algo aqui loco calarem a boca (sim, é com você mesmo Glauco :P).

  Não sou gay, não sou homofóbico, não sou machista e não sou feminista (??) e to de saco cheio de escrever hoje, desculpem por terminar tão mal uma série que teoricamente era boa e que me deu muitos xingamentos, confiram as outras partes se ainda não leram aqui: http://oteuku.blogspot.com/2009/11/eu-nao-entendo-os-homens.html

blog comments powered by Disqus
 
Web Analytics