Amores platônicos

Postado por Unknown | | Posted On sexta-feira, 21 de agosto de 2009 at 22:16

  Ter um amor platônico é tão bom não é mesmo? Você imaginar aquela pessoa, desejar com todas as suas forças tê-la pertinho de você, querer dizer para ela o que sente mesmo sabendo que nunca terá essa chance, se masturbar pensando nela enquanto cria várias fantasias impossíveis que o levaria a transar com essa pessoa… Estou falando sobre isso porque eu sinto um amor platônico, eu amo a…

sheilla

… É, ela mesma, a Sheilla do vôlei. Meu, ela é tão magrinha, tão bunitinha com seu nariz grande, pele aparentemente macia, peitinhos minúsculos e caídos, braços que fazem eu me sentir o Hulk, perninhas belas que pulam que é uma beleza, bundinha pequena, esse shortinhos atolado em seus orifícios. Sério, eu amo ela, já tive até essas fantasias impossíveis que eram mais ou menos assim:
” O Brasil estava jogando contra qualquer timinho em qualquer lugar e eu era o único torcedor. Eu gritava, eu me jogava, eu berrava para dar apoio ao time, até que eles vencem e me chamam pra ir comemorar com eles. Ela olha pra mim, eu tampo o sol da minha cara e olho pra ela, ela vem andando em minha direção, eu dou passos para perto dela, algum figurante aparece em cena trazendo um banquinho para mim, eu subo, mesmo assim fico na direção dos peitos dela, um malabarista aparece me erguendo enquanto faz embaixadinhas com duas bolas, ela olha pra mim e se aproxima, eu tiro seu nariz da frente e faço um biquinho sexy igual aquela foto do post abaixo, então nos beijamos… Nessa hora eu normalmente já gozei e não sei o que acontece depois, só sei que o malabarista me xinga mas logo percebe que isso é um bom creme para o rosto e deixa quieto, então eu volto a terrível realidade de minha vidinha triste.”

  É duro ter amores platônicos, mas é divertido de certa forma sonhar que um dia poderemos realizar, apesar de que ultimamente to realizando nem meu sonho de usar uma cueca preta e fazê-la permanecer preta pelo resto do dia, quem dirá realizar uma coisa impossível dessas.

  Mas vamos lá, você tem algum amor platônico? Se tiver responda em um papelzinho, dobre bem e enfie no cu porque não to interessado em saber isso. Sexta feira, o dia que eu sairia se eu tivesse amigos e beberia se eu tivesse dinheiro, ao invéz disso estou escrevendo essa merda toda, alguém me mata por favor?

blog comments powered by Disqus
 
Web Analytics